O Apocalíptico mundo do Lucro Real

Por Junior Faj

Varejistas. Operar fiscalmente no regime Lucro Real deveras existir ciência.
Gestores e gestores estão querendo aprender tal teoria somente na prática.
Ignorar recursos da ciência contábil vem sendo um fator no qual anda consumindo muito tempo e dinheiro.
A falta do conhecimento, da organização interna e de um bom planejamento fiscal está transformando recolhimentos em verdadeiros turbilhões apocalípticos.
É fato e se ouve que, contribuintes e contribuintes delatam seu capital de giro para honrar as datas de recolhimentos dos tantos impostos:

  • .IRPJ – 15% com mais 10% sobre o excedente a 20.000 de lucro;
  • .CSLL – 9%;
  • .PIS – 1,65%;
  • .COFINS – 7,60%;
  • .INSS – mediana 27,8%;
  • .Entre outros.

O Lucro Real é um regime fiscal no qual o contribuinte recolhe impostos sobre seus lucros, créditos e débitos, alinhado a um período de apuração que traz as adições, exclusões ou compensações prescritas ou autorizadas pela legislação fiscal.
Diariamente, a erudição contábil apreciadora do Lucro Real deve nortear caminhos em busca do entendimento às necessidades que a empresa necessita.
A continua operacionalização desse regime sem discernimento de sua faculdade poderá acarretar males incontáveis. Pense nisso.

Publicado por Pedro Paulo Morales

Graduado em Gestão, Especialista em Controladoria e Escritor Web

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: