Um problema de gestão: Negligência ao óbvio

Por ivan Postigo

Esta coluna é publicada as Quartas Feiras.

Quantas vezes não dizemos a nós mesmos, quando sofremos algum prejuízo, que nos faltou disciplina?

Deixamos de pagar uma conta, perdemos o horário do médico, do dentista, o vôo para atender uma reunião, o prazo para entrega de algum documento, o vestibular.  E por ai segue a lista.

Algumas pessoas poderão dizer: “Você está exagerando!”

Estou? Então, veja a loucura no último dia para entrega do imposto de renda!

O mesmo ocorre com a inscrição para concursos e qualquer coisa que tenha uma data limite.

Fazemos isso todos os dias. Criamos situações que nos causam dificuldades, por pura falta de disciplina, sem nos darmos conta de quanto isso nos custa.

Levamos, também, essa atitude às nossas empresas, como colaboradores ou mesmo empresários.

Falar sobre isso pode parecer uma grande bobagem, mas que tal fazer uma avaliação?

Apanhamos um papel e desenhamos cinco colunas. Se você souber usar planilha eletrônica, o controle ficará melhor ainda:

  • Problema a ser resolvido
  • Data em que foi detectado
  • Data programada para resolução
  • Motivos da procrastinação
  • Data da efetiva conclusão
  • Consequências do atraso

Ficará assustado com o que vai observar.

Questões simples como a compra de caneta ou complexas como renovação de licenças ambientais poderão ser tratadas da mesma forma.

Ficará pasmo ao descobrir que a autorização ou a negativa para a compra da tal caneta poderá demandar uma semana ou mais para ser obtida.

A expectativa de solução gera um custo difícil de calcular, mas esteja certo de que não é baixo. Para cada dia pendente, haverá pelo menos uma reunião ao lado da garrafa de café para tratar do inconformismo.

Problema na mesa demanda solução, se está em dúvida, chame pessoas que possam ajudá-lo e trate-o imediatamente.

Competência quer dizer faculdade concedida para apreciar, julgar pleitos e questões, ou ainda, capacidade ou aptidão, portanto, se lhe falta competência, adicione-a. Essa é a razão pela qual trabalhar em equipe é fundamental.

Aja rapidamente, as pessoas ao seu redor percebem quando lhe falta competência e por isso você procrastina. Não duvide!

É melhor ser reconhecido como uma pessoa que percebe as próprias limitações e as elimina com a ajuda da equipe, do que ouvir “se não consegue resolver, por que não chama alguém que saiba?”

Como gestor, sua função é encaminhar o problema para solução, sem que, necessariamente, seja o seu criador desta.

Não devemos confundir solução com procrastinação, pois nesse caso teremos mais um problema: nossas atitudes.

Quando a questão é complexa, as perdas podem tomar proporções extremamente preocupantes.

Não é raro encontrar empresas incapazes de elaborar uma previsão de caixa para 30 dias. Outras tantas têm dificuldades de enxergar o que devem pagar na própria semana.

Uma empresa pode pagar juros de 10% ao ano ou 40 %%, basicamente porque não está organizada para pode obter das instituições financeiras recursos de fontes menos onerosas.

Grande parte das dificuldades é gerada pela falta de organização, simplesmente por negligenciar o óbvio.

Diz a velha sabedoria: “As coisas devem ser feitas no momento em que devem ser feitas”.

A conta paga com atraso poderá ter multa. Juros, terá certamente.  A venda que deveria ter sido efetivada hoje, talvez não se concretize amanhã.

O produto em fabricação que não foi concluído hoje, amanhã terá custos adicionais.

Saber disso não é suficiente, Importante é nos perguntarmos no momento em que nos deparamos com a possível negligência: “Vou tomar uma atitude agora ou vou procrastinar aquilo que é óbvio?”

A decisão e os encargos serão somente seus, portanto, se não sabe, não consegue resolver a questão, delegue.

Você está sendo observado, não negligencie o óbvio.

Ivan Postigo é Diretor de Gestão Empresarial da Postigo Consultoria Comunicação e Gestão, Articulista, Escritor e Palestrante.

www.postigoconsultoria.com.br

Fonte:  www.qualidadebrasil.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: