E o Itaú ri por último – ISTOÉ Dinheiro

Na primeira semana de julho, o banqueiro Flávio Pentagna Guimarães estava muito perto de vender seu banco, o BMG. Embora houvesse outro pretendente conhecido, o BTG Pactual, a negociação estava bem avançada com o Bradesco. Mas o controlador do banco mineiro ainda tinha dúvidas sobre o preço final da transação. Também temia ter de esperarContinuar lendo “E o Itaú ri por último – ISTOÉ Dinheiro”

Avalie isto: